BOLETIM INFORMATIVO DO COMITÊ LOCAL EM DEFESA DO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO DO PARANÁ

 na categoria Boletins

O ataque do governo às universidades tem como objetivo colocá-las no META4. Por que o governo quer fazer isso? Porque, dessa forma, submeterá a gestão de pessoal e acadêmica aos seus interesses políticos imediatos. Quais são os indícios? A existência de um contrato entre o governo e a empresa Digidata, que prevê a entrada das cinco universidades no META4; a decisão do TCE obrigando a entrada no META4; outra decisão do TCE alterando a lei do TIDE e, ainda, o condicionamento de tramitar a lei que ratifica o TIDE como regime de trabalho somente com a entrega dos documentos para entrar no META4. Nesse contexto, o GT de autonomia criado pelo governo, sem a sua participação, indica não existir qualquer compromisso com a solução dos impasses por ele próprio criados. Pelo contrário, pode ser apenas um pretexto para depois justificar a entrada no META4, como já foi sinalizado pela SETI.

A submissão das universidades ao META4, bem como a alteração da forma de financiamento, afetará negativamente toda a comunidade universitária e a própria natureza pública dela, comprometendo as suas finalidades. Por isso, o debate e a resposta ao governo não podem ficar restritas somente aos conselhos superiores, e com prazo tão exíguo, mas devem envolver diretamente os técnicos, estudantes e professores.

O Comitê Estadual em Defesa do Ensino Superior Público do Paraná já havia proposto ao governo, em 11 de julho deste ano, abrir o “… diálogo com o governo do Estado e com os reitores sobre a gestão das universidades, bem como promover a uniformização dessa gestão nas sete universidades”. Por isso, o silêncio do governo à nossa proposta demonstra uma intransigência que só se explica pela sua disposição de impor o META4 às universidades a qualquer custo.

Por fim, o Comitê local (DCE, ASSUEL e SINDIPROLADUEL) já está organizando um processo de debate e mobilização que envolve toda a comunidade acadêmica. Para isso, como momento importante desse processo, convoca todos a participarem de um amplo debate que ocorrerá dia 14 de setembro, das 8h30 às 18h, na sala de eventos do CLCH.

Contamos com a presença de todos.

Saudações,

Londrina, 23 de agosto de 2017

Comitê Local em Defesa do Ensino Superior Público do Paraná

DCE, ASSUEL e SINDIPROLADUEL

Postagens Recentes

Deixar um comentário

Digite o que procura e aperte a tecla Enter para pesquisar