Nota sobre a suspensão do programa Aroeira da Rádio UEL FM durante o período eleitoral

 em Boletins

Com o início do período eleitoral, que vai de julho até o final das eleições de 2022, a Secretaria de Comunicação Social e da Cultura do Paraná divulgou uma cartilha com instruções e procedimentos para a adequação da comunicação estadual ao momento. Diante disso, a UEL decidiu não só por ocultar conteúdos publicados no portal O Perobal, na antiga Agência UEL de Notícias e em suas mídias sociais, mas também suspender, provisoriamente, a veiculação do programa Aroeira na Rádio UEL FM (107,9). Uma medida que consideramos exagerada, que se confunde com censura e que se opõe às garantias constitucionais de liberdade de pensamento, de expressão e de acesso à informação, mas que não impedirá que continuemos a produzir esse informativo do mundo sindical. 

(Depois de uma semana sem programa, o Aroeira está de volta à Rádio UEL FM; entenda o que aconteceu e as implicações do período eleitoral para a continuidade do informativo sindical – ouça aqui o material que foi ao ar no sábado, dia 16 de julho)

Já em sua quarta temporada, atualmente, o Aroeira é produzido em parceria pela Assuel Sindicato e pelo Sindiprol/Aduel e vai ao ar todos os sábados, a partir das 12h, na Rádio UEL FM (107,9). Nele, trazemos as notícias dos mais diversos sindicatos, dos movimentos sociais de Londrina e região e das lutas dos trabalhadores, em especial de servidoras e servidores públicos do Paraná, visto que os sindicatos representam, respectivamente, técnico-administrativos da UEL e docentes da UEL e da Uenp.   

O Aroeira não é um programa que faz campanha eleitoral ou defende a agenda de qualquer candidato, afinal, seguimos uma linha de independência editorial e de defesa e valorização do serviço público, o que passa, obrigatoriamente, pelo servidor público, concursado, com estabilidade e adequadas condições de trabalho. Por isso, denunciamos, há anos, a política de desmonte e precarização do serviço público e de arrocho salarial. A atual defasagem salarial está em 37%, fruto de uma política iniciada ainda no governo Beto Richa e aprofundada agora com Ratinho Jr.  

No Aroeira, defendemos a reposição salarial integral, a realização de concursos públicos, o investimento nos serviços públicos e a revogação da LGU. Para continuar a defesa dessas pautas e a denúncia da atual política do governo estadual e de seu congênere federal, durante esse período, começando no próximo sábado (16/07), o programa seguirá sendo produzido pela Assuel Sindicato e pelo Sindiprol/Aduel e veiculado em plataformas digitais, como o Anchor e o Spotify. O link para ouvir o programa também estará nos sites dos dois sindicatos, no Facebook do Coletivo de Sindicados de Londrina e no Portal Verdade. Ouçam, compartilhem e recomendem para todas e todos que querem acompanhar esse informativo do mundo sindical. 

Pela reposição salarial integral! 

Em defesa do serviço público e de servidoras e servidores! 

Abaixo a LGU! 

(Acesse a nota em PDF no site)

(Atualizado no dia 18 de julho para incluir o informe sobre o retorno do programa à Rádio UEL FM.)

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar