24J: mais de 450 cidades do Brasil e outros 17 países realizaram manifestações no sábado (24/07); em Londrina, concentração foi realizada em frente ao Teatro Ouro Verde

 em Boletins

No último sábado (24), centenas de milhares de manifestantes foram às ruas contra o governo Bolsonaro/Mourão e por emprego, vacina no braço e comida no prato. O quarto dia nacional de protestos contou com a presença massiva de movimentos sociais e populares, entidades sindicais e estudantis, que estiveram presentes em 426 atos, em 471 cidades do Brasil e também em outros 17 países. As informações são do Andes-Sindicato Nacional. Em Londrina, no ato convocado e organizado pelo Comitê Unificado da cidade, do qual o Sindiprol/Aduel participa por meio do Coletivo de Sindicatos, o protesto se iniciou com a concentração, às 15h, em frente ao Teatro Ouro Verde, e seguiu em marcha até o Zerão, onde a atividade se encerrou. Confira mais imagens ao final. 

Foto: Reprodução/Comitê Unificado de Londrina

Foto: Ivo Ayres

As manifestações de 24 de julho aconteceram no momento em que o Brasil já ultrapassa as 550 mil vidas perdidas para a Covid-19, uma doença que há um ano e meio sequer existia. Desde a convocação para a primeira das manifestações, realizada no dia 29 de maio (29M), temos destacado que, para nós, servidores públicos, as manifestações nacionais são também dias de luta em prol do fortalecimento dos serviços públicos e em defesa de nossos direitos: 

Para o dia 29, sindicatos, centrais sindicais, movimentos populares e o próprio Andes-SN convocaram suas bases para protestar contra um governo que, pelas ações e omissões próprias e de seus aliados estaduais (como é o caso de Ratinho Jr.), tem intensificado imensamente a grave pandemia de Covid-19. E, além disso, tem executado e apoiado o desmonte dos serviços públicos, atacado diretamente o funcionalismo – arrochando salários e cortando direitos (confira nossa campanha pela recomposição salarial) – e negado o amparo necessário às famílias pobres. Por isso, para nós, servidores públicos, tanto o 29 de maio como o 19 de junho são também dias de luta em prol do fortalecimento dos serviços públicos e em defesa de nossos direitos. 

De maneira igual às outras manifestações, a deste sábado foi toda realizada ao ar livre, respeitando o distanciamento entre os manifestantes e com uso de máscaras, em geral pff2/n95, e álcool gel, cuidados que, pelo que hoje sabemos, reduzem muito o risco de transmissão da Covid-19 (mais informações aqui).   

– Fora Bolsonaro/Mourão! 

– Pelo fim do arrocho salarial e pela valorização dos serviços públicos! 

– Contra a reforma administrativa (PEC 32/2020)! 

– Contra o desemprego e a fome! 

– Por vacina para todos e todas! 

– Pelo auxílio emergencial de 600 reais para todos os necessitados! 

– Pela manutenção das liberdades democráticas! 

Confira alguns registros da manifestação realizada em Londrina no sábado (24): 

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar