Em Assembleia, docentes da UEL e da Uenp deflagram greve a partir da próxima segunda (2)

 em Boletins

Na Assembleia Docente da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e da Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp), realizada na tarde desta segunda-feira (25), no Anfiteatro Maior do CLCH da UEL, os docentes presentes aprovaram o indicativo de greve com início na próxima segunda-feira (2), ou seja, a greve se inicia no dia 2 de dezembro. A paralisação tem como objetivo barrar as propostas do governo Ratinho Jr (PSD) de Reforma da Previdência Estadual e de Lei Geral das Universidades (LGU).

Mais informações sobre a Previdência Estadual e a LGU podem ser acessadas aqui e podem ser ouvidas no Boletim do Sindiprol/Aduel do último sábado (23).

Sobre a LGU, foi mantido o rechaço, aprovado em seminários estaduais e outras Assembleias, mas foi aprovado que o sindicato possa atuar para mitigar ou suprimir partes da LGU que ataquem as condições de trabalho dos docentes, direta ou indiretamente, caso o governo abra possibilidades de negociação. Até o momento, entretanto, as categorias não tiveram a possibilidade de negociar e dialogar com a administração. Assim como foi dado ao sindicato a legitimidade de atuar junto ao governo nos casos citados acima, os docentes presentes deliberaram que alterações propostas pelo governo só poderão ser avaliadas em Assembleias das categorias.

Nesta terça-feira (26), os docentes do campus de Apucarana da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) realizarão sua Assembleia, para deliberar sobre a aderência à greve que se inicia na próxima segunda-feira (2).

Na terça-feira (3) será realizado um grande ato dos servidores estaduais na capital do Paraná, Curitiba, e uma nova Assembleia será convocada para quarta-feira (4) – local e horário ainda serão confirmados e divulgados –, com o objetivo de analisar o movimento e deliberar sobre sua continuidade.

Cronograma

25 de novembro – Assembleia Docente da UEL e da Uenp aprova início da greve para a próxima segunda-feira (2)

26 de novembroAssembleia Docente da Unespar/Apucarana não aprova início da greve na segunda (2)

2 de dezembro – Início da greve

3 de dezembroAto dos servidores estaduais em Curitiba

4 de dezembro – Assembleia para avaliar o movimento e deliberar sobre a continuidade na greve

 

(Editado às 17h15 do dia 27, para acrescentar hiperlinks da Assembleia de Apucarana e da ida a Curitiba.)

Postagens Recentes
Mostrando 3 comentários
pingbacks / trackbacks

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar